sexta-feira, 16 de julho de 2010

Gelo gruda e queima?

O gelo gruda na pele? O gelo queima? Mas como ele queima se o gelo é, de fato, gelado?

crédito imagem: vesemeerra.blogspot.com

A temperatura do gelo é de 0º celcius, enquanto nosso corpo está a uma média de 36, 37, por aí. O que acontece quando os dois se encontram: choque térmico! Duas temperaturas muito diferentes entram em choque térmico.

Portanto, por causa desse choque térmico, passamos a sentir dor ou até uma sensação de queimação interpretada pelos receptores da pele. Por isso que colocar gelo na boca ou segurá-lo por um tempo não é algo muito agradável.

A pele pode ficar avermelhada depois do gelo porque é uma resposta de seu organismo para tentar restabelecer a temperatura local, dilatando os vasos sanguíneos. É o meio efeito que ocorre quando você corre: fica vermelho, além de suar e ficar ofegante, tudo para equilibrar a temperatura.

Agora, você já tentou pegar gelo e ele grudou em sua mão? O que será que aconteceu? Será caso de exorcista?

A Física explica: o mais provável é que você tenha pego gelo com as mãos molhadas ou levemente úmidas. A umidade sobre a pele de sua mão, ao entrar em contato com o gelo, congela também: daí vem o “grude”. As gotículas de sua mão congelam ao entrar em contato com a superfície fria do gelo.

Essa postagem faz parte do canal "Curiosidades Express"


Nenhum comentário: