terça-feira, 12 de janeiro de 2010

Qual a diferença entre engenheiro civil e arquiteto?

Arquiteto ou engenheiro civil?

Você sabe essa diferença? Caso negativo, leia o post abaixo para saber. Caso positivo, leia também para ver se está de acordo ou não. Porque aqui no VB é assim: o blog é feito para você, é feito por você.


Se você está com  pressa, leia somente o parágrafo logo abaixo:

Explicação principal:

ARQUITETO: planeja a obra (desenha e planeja tudo no papel)
ENGENHEIRO: constrói (faz os cálculos e concretiza o trabalho do arquiteto).


Se você não está com tanta pressa, leia os parágrafos seguintes.


O ARQUITETO

O arquiteto é o profissional que elabora a obra, dando seu início. Ele tem contato direto com o cliente e precisa captar as suas preferências, o seu modo de viver, suas relações familiares (no caso de obra residencial) ou suas relações com seus funcionários (no caso de uma obra empresarial). O projeto levará em conta todas essas observações a fim de garantir o conforto e o padrão de vida de seu cliente: ou seja, o arquiteto terá que planejar a “casa dos sonhos” do cliente para garantir seu bem-estar.

Esse profissional vai lidar, principalmente, com o desenho: estudar a melhor forma de aproveitar o espaço, lidar com urbanismo, paisagismo e design. É através dele que as maquetes são criadas e é através dele que o cliente terá uma leitura completa do que está sendo planejado, do que estará por vir.

Durante o projeto, são realizados vários estudos: estudo da iluminação solar (para proteger algumas partes da casa e para aproveitar em outras), estudo do vento (para deixar a casa ventilada).

O arquiteto deve levar em conta as legislações urbanísticas, sanitárias, ambientais, de segurança e etc... Portanto, ele deve conciliar as necessidades do cliente com as leis em vigor.


O ENGENHEIRO

É o profissional que vai cuidar da parte estrutural do projeto do arquiteto. Ele vai acompanhar todas as etapas da construção. Inicialmente, vai estudar o terreno: características dos materiais, tipos de solo e vento.

Embasado nesse estudo, ele vai escolher o tipo de material que será usado na construção para garantir segurança e economia. Vai especificar os tipos de instalações elétricas, hidráulicas e sanitárias. Lidera as equipes de obra e cuida da burocracia, dos prazos, dos custos e das normas de segurança: os materiais escolhidos devem estar de acordo com as normas em vigor.

É o engenheiro que vai concretizar o projeto do arquiteto e garantir as condições de segurança. O engenheiro civil é responsável pela obra: se calcular errado e tudo vier abaixo, terá que responder por isso.



ARQUITETO X ENGENHEIRO CIVIL: ESQUENTANDO AS COISAS

Quem é melhor: engenheiro civil ou arquiteto?

Geralmente, há uma rixa entre o trabalho dos arquitetos e dos engenheiros civis. Porém, o trabalho dos dois são importantes para a obra. O VinicBlog encontrou uma forma muito criativa de mostrar o porquê (se for ler, leia tudo):


Puxa-saco do ARQUITETO:

É o arquiteto que planeja os belos prédios envidraçados e modernos, que projeta a estrutura de uma cidade inteira. Veja quantos cartões postais você conhece do mundo todo com construções magníficas! Palácios, torres, parques, estádios... Olhe para o Congresso Nacional, para a Casa Branca, para a Torre Eiffel, para o Masp, para a beleza dos grandes shoppings centers, para o castelo do Beto Carreiro e para a estrutura da Disneylândia. É o trabalho do arquiteto que fica na nossa mente, que marca a nossa memória.

O trabalho do arquiteto decide ou não a compra de uma casa por um cliente. Por mais segura seja a casa e por mais trabalhada seja ela pelo engenheiro, a forma e o design da casa, a disposição dos cômodos a fim de aproveitar a ventilação e a iluminação para preservar o bem-estar e a localização do terreno são pontos importantes para o cliente decidir pela compra ou não.

Além de tudo isso, é pela arquitetura dos povos antigos que a História e a Arqueologia se baseou, muitas vezes, para formularem o conhecimento humano.

Enquanto o arquiteto faz o trabalho estratégico e intelectual, o engenheiro faz o prático, faz o trabalho pesado. Quando tudo fica pronto, o cliente passará pela fachada da construção e, se ele gostar, ele vai comentar: “puxa, o ARQUITETO dessa casa é muito bom”.


Puxa-saco do ENGENHEIRO:

Tudo o que você leu aí em cima não vale nada sem o engenheiro civil; não passa de um amontoado de papéis com desenhos e projetos. É o engenheiro que vai concretizar os planos: ele tem que manjar os cálculos, estudar os melhores tipos de materiais para serem usados. Sem o engenheiro, o arquiteto não pode fazer nada! Sem o arquiteto, o engenheiro pode construir.

Será o trabalho do engenheiro que vai garantir que você durma com segurança, que vai garantir que a casa não desabe em cima de você e de sua família. Pois enquanto o arquiteto pensa em seu bem-estar, o engenheiro pensa na sua vida.

É ele que vai garantir a ordem das instalações hidráulicas, sanitárias e elétricas. É ele que vai chefiar o trabalho dos pedreiros e por tudo em ordem.

É preciso dizer mais alguma coisa?




Como vocês podem ver, criamos a figura do “puxa-saco”, que revela estrategicamente a tamanha importância que o trabalho de cada profissional tem. Ninguém é melhor que o outro, mas sim se complementam: uma obra bem planejada e bem executada é a obra que foi projetada com a cooperação dos dois profissionais.

Quando for construir sua casa, chame os dois!


Vocês perceberam que o VinicBlog é neutro: ele não te obriga a pensar pelo lado A ou pelo lado B, mas sim expõe o fato a você. O trabalho dos dois profissionais foram igualmente valorizados, ao contrário de muitos sites por aí que valorizam mais um do que outro, de modo a influenciar na opinião do leitor.

O VinicBlog é assim: comunicação de qualidade. Nós mostramos o caminho. Você cria sua opinião.