sábado, 9 de fevereiro de 2008

A fotografia chega no Brasil!

Como havia dito antes, o daguerreótipo foi lançado em 1839 e disse também que havia ganhado grande repercussão no mundo. No Brasil, nesse ano, o Jornal do Commercio (com dois "m"s mesmo) anuncia o invento. Mas foi somente no ano seguinte, em 16 de janeiro, que o aparelho chega no País, pelo capelão de um navio francês. Entra então, pela primeira vez na América do Sul, a daguerreopatia. Esse camarada (o capelão) levou então o equipamento até o imperador de nosso Brasil, que era o D. Pedro II. Fez três demonstrações, com sucesso.

O próprio imperador torna-se o primeiro fotógrafo brasileiro, ao comprar em 1840 seu daguerreótipo. Mais tarde, ele se torna um colecionador, um verdadeiro mecenas da fotografia e começa a dar títulos para os principais fotógrafos do Brasil. No mesmo ano (1840), um camarada americano chega ao País e tira as primeiras fotos do imperador e de sua família, além do palácio de São Cristóvão.

Com essa postagem, encerro a história da fotografia.

Nenhum comentário: