domingo, 30 de dezembro de 2007

Feliz Ano Novo!!!!!!!!!

Uma mensagem especial para você:


"A perseverança e sobretudo o acreditar formam o
orvalho e os raios de sol que florescem nossos sonhos"
VINIC
VINICBLOG
FELIZ 2008
Muitas Realizações!!!

sábado, 29 de dezembro de 2007

Política de Parceria






Nossa Política de Parcerias é simples: copie o código acima em seu blog e em seguida entre em contato com a gente, comentando na postagem mais recente do VB sobre seu interesse por parceria.

Nós também nos interessamos por troca de posts. Entre em contato com a gente: nós podemos publicar uma postagem a respeito de seu blog enquanto você publica uma nossa em seu blog.

AGUARDE...

PÁGINA EM CONSTRUÇÃO...

terça-feira, 25 de dezembro de 2007

Podem ver que na postagem passada eu contei errado: disse na primeira linha que o Natal seria na segunda (hsuahsuahsuah). Mas tudo bem, isso acontece... Desejo feliz Natal a todos, um dia muito especial onde celebramos a vinda de Cristo.

Planos para 2008: vou encerrar 2007 esclarecendo os desafios propostos e nesse ano que vem quero começar com uma bateria de postagens simples sobre as dúvidas mais freqüentes da gramática (como o lance do mal e mau, meio e meia,...) e depois iniciar um assunto e trabalhá-lo (talvez análise sintática). Também eu possa dar uma nova carinha ao VB. Bom, resumidamente é isso aí (como ninguém comenta coisita nenhuma, me leva a concluir que o blog vai bem).

*************************
RESPOSTA da outra pergunta:

A palavra Pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiotico tem acento agudo no penúltimo "o", pois ela é proparoxítona e todas as proparoxítonas são acentuadas (se tiver dúvida ou não entendeu bulhufas volte à postagem que fala sobre acentuação).

A palavraPneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiose não tem acento gráfico, pois ela é paroxítona e palavras paroxítonas não são acentuadas quando terminam em "o, e, a, em, ens". Essa daí termina em "e".


VINIC

sexta-feira, 21 de dezembro de 2007

Uma pausa, não?

Hoje é dia 21 de dezembro e pretento postar após o Natal, na segunda feira.

Quero desejar um feliz natal pra todos, mas quero desejar um feliz natal consciente (será q se escreve assim?). Como assim? Ora, todos os anos ao celebrarmos o natal nos vem à cachola presentes e papai noel. Apenas isso. Porém, entretanto, todavia, contudo, mas nós nos esquecemos o que é de fato o natal. Natal significa o nascimento de Jesus, esse é o verdadeiro sentido: celebrarmos o nascimento do Filho de Deus, aquele que morreu na cruz para nos salvar!

Portanto, meu amigo leitor, desejo um feliz natal consciente, onde temos a consciência de estarmos celebrando a vinda do Rei dos Reis, do Senhor dos Senhores, Jesus Cristo, o Salvador, e não apenas para aproveitar o momento como uma simples reunião de família e com amigos a fim de ganhar presentes.

VINIC


Gifs - Flash - Fotos e Videos Para seu Orkut

Finalmente

Após uns 18 dias no ar, responderei ao desafio (não me lembro a regência de "responder", deve exigir prep. "a", sei lá). Foi exibido aqui em 3 de dezembro. Como eu já havia dito em outra postagem, aquela pergunta louca era se referia a (ou "à", não me lembro tbm) palavra errada. A única palavra errada é amigração, que não existe. O resto está certíssimo! No final de cada postagem, eu digo o significado de cada palavra certa. Hoje, a palavra escolhida é briza, com esse "z" atravessado no meio. Ela é uma espécie de gramínea. Brisa é o ventinho da manhã, o minuano.
Espero que essa postagem tenha sido útil!

segunda-feira, 17 de dezembro de 2007

A resposta do outro desafio

Quando o VB chegar aos 1000 acessos revelarei passo a passo a resposta do desafio do dia 3 de dezembro. Aguarde...

Foto da Semana


Pensamento da Semana

"Nas férias, digo: No meu tempo, o tempo... passatempo
Nos estudos, digo: No meu tempo, o tempo... ... ... ... ... ... ... ... !?"


Vinic

domingo, 16 de dezembro de 2007

As pérolas do vestibular!

É interessante ler as bobagens que os jovens escrevem na hora do aperto. São engraçados, mas o pior de tudo é que realmente acontecem!

Pérolas extraídas do site reeleituras (marailhoso site para quem gosta de letras!!). Vestibular do ano 2000:

* Os egípcios antigos desenvolveram a arte funerária para que os mortos pudessem viver melhor.
* O petróleo apareceu há muitos séculos, numa época em que os peixes se afogavam dentro d’água.
* A insônia consiste em dormir ao contrário.
* As múmias tinham um profundo conhecimento de Anatomia.
* Na Grécia, a democracia funcionava muito bem, porque os que não estavam de acordo, se envenenavam.
* As glândulas salivares só trabalham quando a gente têm vontade de cuspir.
* Sobrevivência de um aborto vivo (título de redação)
* O Brasil é um país abastardo com um futuro promissório.
* É preciso melhorar as indiferenças sociais e promover o saneamento de muitas pessoas.
* Tiradentes, depois de morto, foi decapitulado
* A História se divide em 4: Antiga, Média, Moderna e Momentânea (esta, a dos nossos dias).
* Em Esparta as crianças que nasciam mortas eram sacrificadas.
* A capital de Portugal é Luiz Boa.
* O Brasil é um país muito aguado pela chuva.
* Na América do Norte tem mais de 100.000 Km de estradas de ferro cimentadas.
* A Terra é um dos planetas mais conhecidos no mundo.
* As principais cidades da América do Norte são Argentina e Estados Unidos.

quarta-feira, 12 de dezembro de 2007

Aviso

Vou começar a postar somente em todos os sábados! Fique ligado pois revelarei a resposta do desafio!

segunda-feira, 10 de dezembro de 2007

Pergunte ao Robô



"VR" é um robô criado pelo VinicBlog dotado de inteligência artificial e de processadores valores-lógicos. O mascote virtual do VB está configurado para processar respostas no mais alto nível de sinceridade. O que será que ele vai processar? Só vamos saber quando você perguntar. Faça uma pergunta ao "VR" fazendo um comentário nessa postagem!

quinta-feira, 6 de dezembro de 2007

Um Aviso

Voltarei a postar a partir de SÁBADO. Enquanto isso, vá pensando em meu pequeno desafio. Aí vai algumas dicas:

1) LEIA! Leia primeiro a pergunta e descubra se realmente vc sabe ler!
2) Procure as palavras não só no dicionário. Vai precisar mais da internet, se tiver dúvida.

Depois do sábado, vou falar de acentuação e eu (para encher lingüiça, lá vou eu repetir o bagulho) tenho uma regra sobre esse assunto inesquecível! Até lá!!

Quem disse que português é difícil???

Vinic

segunda-feira, 3 de dezembro de 2007

EU DASAFIO VOCÊ!!!!

- Qual dessas palavras abaixo é errado afirmar que é certo dizer que está certamente errado falar que é certo dizer que está errado afirmar? (he,he!)

A) BRIZA
B) PLAGA
C) VIAJEM
D) PROEMINENTE
E) INTIMORATO
F) LASSO
G) EXPERTO
H) EXPIAR
I) AFEAR
J) VASA
L) BONITEZA
M) SUJIDADE
N) AMIGRAÇÃO

As respostas virão acompanhadas de explicação nas próximas postagens. Se houver contradição, favor comentar.

E lá vem a vírgula novamente!

Depois de encher seu saco com duas postagens falando só de vírgula, quero encerrar logo o assunto, lançar meu desafio gramático (nem sei se essa palavra existe...... é... ficou meio brega, não?) e talvez vamos para acentuação. Tenho um segredo sobre esse assunto: é um quebra galho danado, que vai resolver todos os problemas de acentuação.

Eu queria fechar o negócio com a vírgula como eu comecei: vou terminar pelo começo. Eu havia dito: "quando eu era criancinha, botaram na minha cachola que vírgula é pausa para respiração, o que é errado". É certo como proposta pedagógica para não entulhar os pequeninos de idéias, mas perceba que se isso for levado a sério, o livro de um asmático seria diferente se fosse escrito por um nadador profissional. O que você acha?

VINIC

Continuando o caso da vírgula...

Acho que a dica mais importante para usar a vírgula é a última da outra postagem. Se está em dúvida, observe a ordem dos elementos da frase. Deve-se ter o sujeito (o cara que pratica o verbo), o verbo (a ação) e por último (dependendo da oração) o complemento.

SE NÃO ENTENDEU BULHUFAS, VOLTE PARA A POSTAGEM ANTERIOR.

O outro caso da vírgula é o isolamento do aposto. Antes de tudo, leia abaixo:

"Beltrano, que é um cara distraído, colocou sapatos diferentes em cada pé"

"QUE ANDA UM POUCO DISTRAÍDO" está entre vírgulas pois está caracterizando o sujeito: é o aposto. Podemos até tirar essa sentença na oração que todo ser humano vai entender que Beltrano calçou sapatos diferentes.

Há outros casos de vírgulas (termos omitidos, data e local, isolar termos explicativos...), porém não quero confundir as coisas e vamos ficar com essas principais:

- SEPARAR O QUE JOÃOZINHO COMPROU NA FEIRA;- SEPARAR ALGUMA COISA QUE SAIU DO SEU LUGAR (NO INTERIOR DA ORAÇÃO);- ISOLAR APOSTO

Essas são as principais dicas para um bom uso da vírgula. Espero ter ajudado e não atrapalhado mais ainda.

VINICBLOG


Essa aí é a Mileide, a mascote do VB.

domingo, 2 de dezembro de 2007

Vírgula: a campeã de problemas

Quando eu era criancinha, botaram na minha cachola que vírgula era pausa para respirar, o que é uma tremenda mentira. Aprendi também que vírgula era para separar as frutas e verduras que Joaõzinho ia comprar na feira. Fui crescendo e fui tendo problemas com essa danada, que fazia as minhas redações perderem pontos. Olhando na Gramática, encontrei cinco páginas da correta utilização da vírgula e achei português uma grande chatice, pois a matéria consistia na "decoreba" de regras e exceções. Que tal uma colher de chá? Vou exemplificar o uso da vírgula:

1) vírgula é usada para separar "termos de mesma função sintática", como por exemplo, separar o que Joaõzinho comprou na feira. (isso não é novidade pra ninguém)

2) vírgula é usada para separar termos deslocados da oração. Observe:

"Silvanildo comprou uma calça naquele dia"
"Naquele dia, Silvanildo comprou uma calça"

O lugar de "Naquele dia" é lá pras cucuias da oração, lá no final. Porém, ele resolveu passar para frente, acreditando que "os últimos serão os primeiros". Como ele mudou de lugar, coloca-se a vírgula para indicar isso.

CONTINUA nas próximas postagens........

"Me levantando"

Já que estou entrando de férias agora, terei um tempinho pra publicar algumas coisas. Decidi dar uma reformada no blog. Estou me organizando e me estimulei a fazer isso pelo número de acessos que recebi. Em breve, estará pronto o novo VINICBLOG!

Vinic

quinta-feira, 29 de novembro de 2007

..................

O ano está acabando... Gostei muito ter criado o VinicBlog, porém o abandonei por um bom tempo e meus planos não deram muito certo. Talvez eu o renove de vez nas férias ou verei-o novamente daqui a um bom tempo. Quero agradecer à minha professora de história, por ter criado o projeto do blog. Aprendi história de uma maneira inovadora e estou alegre por ter realizado as tarefas. Deixo aí, nessa página, a história desse blog. Se você veio aqui para ver a vida dos outros não fique constrangido... Fique curioso! Veja a aventura que eu passei no mundo da fotografia!


Até logo....

"A História é uma árvore que ascesnde sempre (...)"

Vinic

quinta-feira, 22 de novembro de 2007

Padrão VB de blogagem

O VinicBlog desenvolveu uma forma peculiar de organizar suas postagens: é o Padrão VB de blogagens. Desde 2009, ele trabalha com séries de postagens fixas e prontas. As fixas são séries que se caracterizam pela regularidade. Já as prontas, possuem um número específico de postagens. Para cada série (fixa ou pronta) nós temos as postagens (ou publicações, ou "posts") subordinadas. Para virar uma série de postagem, é necessário que se tenha, pelo menos, três postagens, além de ter chances de mais publicações. As postagens só podem pertencer a uma única série, mas dependendo das circunstâncias ela pode trocar de uma série para outra, passando pelo processo de subordinação. As postagens podem ser repostadas (por exemplo, as de maior audiência) e as séries prontas podem ser republicadas.

As séries de postagens fixas começaram com a regularidade dos posts denominados "fotos do dia", que passaram a se chamar "fotos do VB e da Web". Recentemente, essa série foi substituída pela "Seleção Imagens", que tem um caráter mais interativo e opera de modo semelhante ao "Seleção Tirinhas" (que veio substituir a série "VB Tirinhas"). Sendo assim, o "Seleção Imagens" é a série fixa mais antiga e com maior número de postagens.

As séries de postagens prontas começaram com a organização das postagens sobre a história da fotografia. Pode-se dizer que "a história da fotografia" foi a primeira ideia de série de postagem pronta, apesar de não ser "seriada" ("seriar" é fazer a associação dos links de postagens para torná-los uma série). A primeira série pronta efetiva foi "Haiti: uma nova história para ser contada". A de maior sucesso, por enquanto, é "Verão e Inferno" por causa da postagem "Como tirar água do ouvido depois de uma piscina", a postagem com maior visualizações de páginas atualmente, sendo a de maior audiência.

Esse é um esboço da estrutura de blogagem desenvolvida pelo VinicBlog. Se vocês verem essa estrutura em qualquer outro blog, então desconfie pois só poderá ser cópia. A organização em séries de postagens fixas e prontas nasceu aqui, no VB, e se chama "padrão VB de blogagem".

sexta-feira, 26 de outubro de 2007

Não deixe de var as atualizações no "Mistérios da Gramática".

sexta-feira, 19 de outubro de 2007

A Volta

Quanto tempo! Mas foi necessário abandonar o blog... Bom, estou voltando e pretendo publicar algo nos sábados ou domingos (1 vez por semana). Também, estou reajustando o blog, organizando-o, pois continuo com tempo esgotado no meu dia-adia para administrá-lo. Até em breve, com o novo VINICBLOG!

sexta-feira, 31 de agosto de 2007

Notícias


Coloquei mais uma foto no "Fotos do Vinic". A novidade agora é os efeitos especiais de meu editor de imagens. Também respondi ao desafio de gramática, no "Mistérios da Gramática". E aproveitando a brechinha no tempo, lá vem curiosidade:
# O mapa mais antigo que se tem notícia tem 4500 anos de idade e representa a Mesopotâmia.

quarta-feira, 29 de agosto de 2007

.............desabafo

Bom... Fiquei um tempão sem postar nada e terei que ficar mais um pouco.... O problema é que eu estou sem tempo PARA NADA. Estou estudando bastante para meu concurso e coloquei isso muito a sério. Tenho que estudar biologia, física, química, história, geografia, português e redação e eu quero muito ser aprovado. Não sei a data da próxima postagem.... Tentarei uma brechinha no tempo para responder ao desafio de gramática. Pelo jeito, o VB voltará a funcinar no próxima bimestre, quando surgir a nova tarefa do blog (se tudo sair como estou planejando). Um abraço a todos que lêem esse coevo e novo blog, que enfrenta seu primeiro "abandono". E também agradecer a todos aqueles que comentaram aqui, avivando um pouco mais esse ambiente.

Até o próximo bimestre a todos!

Para o tempo que tanto me intriga:
És um atalho para as preocupações da vida
No meu tempo
O tempo; passatempo
VINIC

quarta-feira, 15 de agosto de 2007

Mais um desafio

Publiquei no canal Mistérios da Gramática mais um pequeno desafio. Divirtam-se!

sexta-feira, 10 de agosto de 2007

Os dias dos pais

Como meu negócio aqui é história e curiosidades, lá vai:

A primeira homenagem ao pai que o mundo conhece aconteceu há 4 mil anos, na Babilônia (acho que faz um pouquinho de tempo, não?). Foi um tal de Elmusu, que homenageou seu pai escrevendo numa argila. E como tu sabes, rapaz!? Pois arqueólogos encontraram a argila! Agora não me pergunte o que estava escrito ali, não!... Isso eu não sei.

Bom, mas o negócio não acaba aí não! Houve outras homenagens aos pais depois. Em 1910 (Ah! agora não faz tanto tempo assim, né? Pelo menos a minha tataravó era nascida) uma certa Sonodora Dood resolveu homenagear a todos os pais de sua cidade após ouvir uma espécie de sermão ao dia das mães. Por que? Bom, ela se inspirou em seu próprio pai, pois ele conseguiu superartudo o que era dificuldade: teve que criar 6 filhos sozinho; sua esposa havia morrido ao nascer o 6º filho. E então? E então que a coisa começou a pegar, se espalhou até que em 1966 o presidente dos EUA decreta o terceiro domingo de junho como o dia dos pais. Bom, aqui pelo jeito a coisa mudou: nós comemoramos em agosto. Bom, aí é outra história:

O pai brasileiro
Somente em 1953 que o pai brasileiro teve seu dia: foi iniciativa do jornal O Globo, que salientou a importância da celebração em família. A primeira data foi em 14 de agosto, que era o dia de São Joaquim. Porém, foi transferida para o segundo domingo de agosto, pois esse dia da semana seria mais adequado. Em 1955, o grupo Emissoras Unidas* organizou um show para celebrar a data. Nesse show, foram premiados os pais: mais novo (16 anos!!), mais velho (96 anos!!!) e com maior número de filhos (31 filhos!!!!!) e lançaram quatro discos em homenagem aos pais. Até hoje, os dias dos pais é comemorado no 2º domingo de agosto!
Emissoras Unidas*: Folha de S. Paulo, TV Record, Rádio Pan-americana e a Rádio São Paulo.

Canais

Uma novidade: na minha tentativa de organizar esse blog de uma vez por todas, criei os canais, bem aí ao lado, na coluna direita. É claro que não terminei ainda. Você tem acesso à 2º tarefa do blog, o pequeno romance "As Lágrimas da Rosa" e também às fotos tiradas por mim (fotos do Vinic), que não estão gigantescas como antes. Tirerei aquelas que estão lá no fim dessa página (quer dizer, dependendo de quando você ler essa postagem, elas nem estarão mais ali). O trabalho está só começando e pretendo colocar mais três canais. Tentarei melhorar esse blog aos poucos com esse recurso.

domingo, 5 de agosto de 2007

Alizar? Charlatões?

Quatro dias respondendo o 1º desafio VB de gramática.... E lá vem a resposta. Antes, alguns comentários:
É claro que é preferível pegar a lista, vasculhar o dicionário e achar a resposta. Partindo dessa premissa, seria melhor ir respondendo aos pucos; por isso fui postando aos poucos. É interessante essa brincadeira, pois podemos perceber o quanto a gramática pode nos impressionar. E você? Suspeitava da resposta do início? Vamos conferir:
alizar: peça de madeira que cobre os "ombros" das portas e janelas.

charletões é a palavra que estava errada. O certo é charletães. É a mesma regra para pluralizar pão e alemão.

Planos para próximas postagens: fiz um trabalho de física sobre "motor à explosão" e observei que muitos sites explicavam com uma linguagem difícil, não clara de entender. Por causa desse fato, estou fazendo planos para explicar coisas difíceis em linguagem simples e acessíveis. Penso em explicar o funcionamento de um motor a quatro tempos, que é o tipo de motor mais utilizado em automóveis ou explicar o funcionamento de uma máquina fotográfica, que até então trabalhei em seu aspecto histórico. Você, caro leitor, pode também me ajudar nas postagens, me indicando assuntos e temas de interesse.

Paço!? Tenção!? Esse Ç está no lugar errado!!

Nada disso. Está certíssimo. Veja:

Paço=Palácio
Tenção=propósito, intenção

....faltam 2 palavras......

sábado, 4 de agosto de 2007

Expectador? Expiar? Experto?

Ué!? Mas esse X está no lugar do S?

Expectador
O fulano que tem expectativa, que tem esperança.
O espectador, mais conhecido e com esse S estiloso é aquele que assiste, vê, observa, presencia algum acontecimento. (e eu já pensei uma vez que espectador era apenas para quem via TV).

Expiar
Significa "sofrer castigo". E expiar é "ver de fininho", observar algo num ângulo satisfatório, "ver e não ser visto"

Experto
Significa "perito". E esperto quer dizer inteligente.

.....faltam quatro palavrinhas.....

sexta-feira, 3 de agosto de 2007

Sujidade?

Pois é.... Parece tão errada, mas está certa. Descobri essa coisa na embalagem de um produto e quando procurei no dicionário, encontrei a danada! Mas existem outras coisas mais incríveis ainda e que estão totalmente certas: boniteza, mais melhor e mais bom (em alguns casos), xopim, inexorável (o X com o som de Z!) e por aí vai. Dê uma olhadinha nesses palavrões (estão corretíssimos):

Comentários: observe a terceira palavra gigante, que começa com "hipo...". É uma doença psicológica, onde o doente tem medo (fobia) de palavras grandes. Imagine se ele tivesse que falar o nome de seu mal para alguém!

Faltam sete palavras.....

fonte das palavras: wikipedia

Esterno!?

Esterno, com esse S, nada mais é do que um osso que está sustentando sua clavícula e suas costelas, formando a caixa torácica, que protege seu coração e seu pulmão.

Faltam oito palavras.....

Mais fotos

Mais três fotos na seção "Fotos do Vinic", lá embaixo, depois do "News".

quinta-feira, 2 de agosto de 2007

Briza ou Brisa?

Brisa é aquele ventinho macio de manhã, é o minuano. Agora briza!? Com esse Z atravessado no meio!? Wikipedia
Aí em cima: a briza esquisita com o Z no meio. É uma gramínea, da família Poaceae.

.....Faltam 9 palavras....Aguarde por mais novidades da gramática

Xá ou Chá?

ou Shah era o nome dos monarcas da Pérsia e do Afeganistão e significa "imperador". Agora, o chá, com esse ch, é a bebida.

....agora faltam 10 palavras...

Fugindo do assunto..... lá vem história!

Afinal, sabe quando e como realmente inventaram o chá? Nem eu. É porque ninguém sabe ao certo a verdadeira história do chá, mas o que rola mesmo são as lendas sobre ele. A mais popular é que um tal de Shen Nung, um certo imperador chinês, resolveu ferver a água embaixo de uma árvore até que folhas caíram na panela (só para esclarecer: estamos em 2.737 A.C. Velhinho ele, não?).
Mas, afinal: o chá não é da Inglaterra?
No século XVII, os ingleses trouxeram o chazinho chinês para ocidente. Eles estavam motivados com a crise do café. O chá, no século XVIII, se popularizou e devido à queda de seu preço, tornuo-se acessível para as pessoas de classes sociais inferiores.

Viagem ou Viajem?

Se viajem estivesse errado, olhe como teríamos que falar:

Eu viago
Tu viagas
Ele viagas
Nós viagamos
Vós viageis
Eles viagam

*Viagem é o nome, o substantivo:
Cremildes odiou a viagem
A viagem de Frederôncio atrasou em onze semanas
*Viajem é o verbo, a ação, o ato de viajar:
Cremildes quer que eles viajem logo
Frederôncio e o seu cachorro estão esperando que Galilau e Galileus viajem.

Bom... agora só faltam 11 palavras...

quarta-feira, 1 de agosto de 2007

Desafio VB - gramática

Então? Qual dessas palavras está escrita de forma errada? Tente descobrir sozinho. A resposta será revelada depois, aqui mesmo. (Há apenas uma única palavra errada)
1)Experto
2)
3)Sujidade
4)Paço
5)Expiar
6)Expectador
7)Charlatões
8)Viajem
9)Tenção
10)Esterno
11)Briza
12)Alizar

sábado, 28 de julho de 2007

VB 5 meses

O Vinic Blog completa 5 meses de existência no próximo mês (parece tão pouco, não?) e estou feliz por ter conseguido realizar as tarefas propostas nesses dois bimestres de uma maneira satisfatória. Não pretendo tirá-lo do ar no fim do ano, quando o projeto acabar, mas quero continuar de um modo diferente, escrevendo artigos regularmente que entrelaçam literatura, história e fotografia, que é o tema desse blog, além, claro, atualizar a galeria de fotos. Olhe novamente as saudações que por aqui já passaram:
Novidade: temos uma enquete logo acima da lista de blogs, na coluna da direita do blog. Experimente participar também.






sexta-feira, 27 de julho de 2007

A mulher invisível



Para descontrair, aí vai uma crônica que escrevi para a antologia do meu colégio no ano passado:


foto: Vinic
A Mulher Invisível

O sol ardia intensamente num céu azul e límpido, sem nuvens a cobri-lo. Seu feixe de luz invadiu subitamente os bancos da coluna direita do penúltimo vagão, esbofeteando meu rosto amassado, embriagado pelo sono. Ao abrir as pesadas pálpebras, deparei-me com uma velha senhora. Com seus olhos lacrimejantes, perambulava pelo trem, segurando em seus braços uma placa de madeira, que preenchia totalmente sua frente e nela estava escrito um extenso texto, tingido de caneta vermelha, com letras itálicas. Parou em minha frente e balbuciou algumas palavras, que caíram de sua boca vetusta e rachada, que mal conseguia abrir. Fiz rapidamente um gesto negativo, porém ela tentou mais uma vez, espalmando sua murcha mão, em pedido de alguns trocados.
Observei o sofrimento refletido em suas feições. A esperança demonstrada em seus olhos havia se dissipado naquela atmosfera negra e barulhenta, alimentada pela angústia e solidão, pelo atrito da roda de ferro no trilho e o estalar da eletricidade nos cabos elétricos. Foi tudo tão de repente... subitamente... Meu coração apertou e minha garganta embrulhou. Era apenas alguns trocados para ter a esperança, quem sabe, de viver mais alguns anos medíocres, às margens do mar da soberba e perversidade.
Seus trapos, seus laços e seu olhar atingiram-me no peito como uma flecha inflamada, um fogo abafado e bravo que corroeu em meu interior e invadiu os meus mais profundos e ocultos sentimentos. Uma dor latejante e ao mesmo tempo serena. Uma dor que sufoca o íntimo e é capaz de deixarmos numa confusão de sentimentos e idéias, de uma hora para outra.
A pobre mulher seguiu adiante. Estava enlouquecendo por ficar o dia inteiro a entrar e sair de vagões. Estava enlouquecendo por tantos “nãos” a atingir e arrebatar um pouco de esperança que havia em seu coração doído, vazio, amargurado, num rancor inigualável. Estava enlouquecendo pois as pessoas não reconhecem o que seria viver às margens de concreto de uma rua metropolina, dia após dia, de sol a sol, convivendo com diversos problemas e perigos.
As portas se fecharam e vi ela saindo do vagão. Na plataforma, pôs a mão num bolso esburacado e retirou talvez umas cinco moedas. Deu um largo sorriso negro, pois juntando tudo o que havia ganhado, poderia almoçar. Recostou-se na coluna e deixou cair a placa que ninguém lia por ser extensa. Sentou no chão e estendeu a mão para o ar, a esmolar, porém as pessoas que passavam não queriam ver. Era como se fosse uma mulher invisível, rejeitada pela sociedade. O trem, de repente, fechou as portas e acelerou. Fiquei olhando pela janela e ao descer na outra estação, me arrependi.

quarta-feira, 25 de julho de 2007

Notícias

Estou de férias e em breve estarei postando algo. Falta pouco para o início das aulas e de mesmo modo do novo desafio do blog! Depois de um bom tempo sem postar nada, depois de estar muito tempo parado, vamos quebrar esse gelo, essa rigidez com um pensamento meu:

"Errar é humano, mas quem persiste é o parasita"

Obs: queria lembrar para o pessoal de Porto Alegre (RS) que as inscrições para o 16º "Poemas no trem e no ônibus" estão abertas desde julho e vão até agosto (dia 17, se não me engano). Os interessados em concorrer uma vaga para terem seus poemas nos ônibus metropolitanos de Porto Alegre e nos trens da Trensurb podem acessar o site da prefeitura de Porto Alegre
, entrar no link secretaria, depois em cultura e depois em literatura. A novidade nesse ano são as inscrições pela internet.

sexta-feira, 6 de julho de 2007

Cristo Redentor!!

wikipedia


Dia 7 de julho, 18 h, ao vivo de Lisboa, a redetv vai transmitir a escolhadas sete maravilhas do mundo! Não perca não! (OBS: a redetv acabou de fazer contrato com a TV Pampa. Você aí do sul, que não tenha parabólica, tente o canal 4. A TV Guaíba foi-se: vendida por 100 mil "pilas" para a Record RS. Depois postarei sobre isso pois a história das redes de TV brasileiras me atrai muito).



Como meu negócio aqui é história e fotos, lá vai alguns links super interessantes sobre isso:

História
http://pt.wikipedia.org/wiki/Cristo_Redentor
Fotos:

Tem idéia de quanto pesa cada mão do Cristo? E da distância entre os dedos? E do material que ele é feito? E de toda sua história? Sabia que antes dele ser construído o corcovado chamava-se ................ da Tentação (descubra!!)? Então veja isso aí que vale a pena!


segunda-feira, 25 de junho de 2007

As lágrimas da Rosa (Prefácio)

Considerações



"As Lágrimas da Rosa" é uma tragédia, envolvendo o aspecto próprio do romance (caracterização bem definida de personagens e a ambientização) e também um pouco de ação policial. O espaço é definido no Brasil, na cidade de Porto Alegre, no ano de 1899. Tal ano foi analisado estrategicamente para que o clímax da tragédia ocorresse na virada do séc. XIX para XX (é claro que dei mais ênfase ao século XIX). Se inicia no dia 3 de dezembro e termina nos primeiros minutos do século XX. É dividido em três partes: "A chegada do dr. Nestock", "O assassino" e "A virada do século". O romance dos personagens muda conforme os crimes e fatos policiais acontecem e para interpretar o final é necessário prestar atenção num certo tipo de metáfora, que acompanha toda a parte 2 e principalmente o final da parte 3.

Para acessar, use o link logo abaixo, na postagem anterior

Terminei o romance e o postei num blog auxiliar. Aqui está o link:

http://aslagrimasdarosa.blogspot.com/

domingo, 24 de junho de 2007

Aqui está um artigo sobre a transposição do Rio São Francisco (Trab. de geografia). Em breve estarei publicando o romance.

Transposição do Velho Chico: Benigno ou Maligno?

O estado de Minas Gerais é o berço de acalanto do rio São Francisco, o “Velho Chico”, que nasce na Serra da Canastra, atravessa a Bahia e deságua no Oceano Atlântico. É ele que sustenta as comunidades ribeirinhas, as cidades ao redor, crescendo graças a sua agricultura, capacitada com um sistema de irrigação eficaz. Além de ser um importante aspecto turístico, sua importância se dá pelas 14 hidrelétricas espalhadas ao longo de seu percurso, que abastecem potencialmente as regiões próximas. “O rio é a alma do Nordeste”, como diz Edgar Oliveira, superintendente de Projeto e Construção de Geração da CHESF (Companhia Hidroelétrica do São Francisco ).
Por essa riqueza, o Governo brasileiro decidiu fazer a transposição das águas do São Francisco, ou seja, fazer com que o rio se estenda a regiões próximas, onde há falta de água. Comprometeram-se a investir 1 bilhão de reais nesse projeto, entretanto há uma polêmica em relação a isso: existe o lado que defende o projeto, pois ajudaria muitas pessoas no Nordeste que não tem o acesso a água. Por outro, há a questão dos prejuízos que poderão acontecer caso esse projeto seja realizado.
O último aspecto argumenta que a transposição do “Velho Chico” poderá acarretar num agudo racionamento de eletricidade, devido na alteração da vazão do rio. O São Francisco não poderá suportar a quantidade de água retirada, que está prevista em 50 a 60 metros cúbicos por segundo. Defendem a idéia de que o rio tem uma prioridade: irrigação e abastecimento de energia, e se o projeto for realizado prejudicará diretamente tal concepção.
Diante desse quadro, qual posição devemos tomar? Podemos perceber que a transposição acarretará grandemente a questão da irrigação e abastecimento de energia nas cidades ao redor. Ora, é imprescindível que o projeto seja aplicado com consciência, ou seja, que não possa prejudicar mais do que ajudar. O projeto só deverá ser aplicado caso os prejuízos previstos sejam resolvidos, por meios elaborados e eficazes. Portanto, a transposição não deve ser entendida como artifício político para a obtenção de estima e confiança, mas como algo que ajudará a desenvolver uma porção do Brasil e que ajudará muitas pessoas. Tal projeto deve ser estudado minuciosamente, com tecnologia e ciência, pois um erro poderá acarretar em sérios problemas. Tudo dependerá da forma com que o projeto será realizado.

quinta-feira, 21 de junho de 2007

Notícias

Acho que toda aquela ação de história policial se converteu em romance: acho que li Érico Veríssimo demais, já gastei várias páginas de história entretanto mal comecei o enredo. Lendo o que escrevi, resolvi mudar o título "O enigma pitagórico" para "As lágrimas da rosa". Não sei... não sei... Nada certo ainda... Bom, pelo menos a data de entrega se estendeu para o dia 25. Mais horas, mais tempo para concluir. Vamos ver o que vai acontecer...

segunda-feira, 18 de junho de 2007

Mudança de Planos

Pretendo criar uma história policial e em breve estarei postando. Tenho até o dia 24 desse mês para isso. Não estarei mais em nenhum grupo, em virtude de alguns probleminhas, entretanto estou confiante e acredito terminar essa etapa no prazo. O personagem que apresentei antes não existe mais: esqueçam...

sábado, 12 de maio de 2007

Novos Horizontes

Muito bem, minha gente! Após descrever a história da fotografia, encaro o mais novo desafio de publicar um romance histórico. É a nova tarefa para o 2º bimestre. Estou fazendo algumas adaptações no blog, pois juntarei a tarefa anterior com o nova. O negócio é o seguinte: tenho que reunir mais 4 colegas e juntos criarmos um romance histórico; claro que o espaço e o tempo do enredo deve basear-se no século XIX. Cada camarada será um personagem e em breve estarei publicando o meu. Bom, repetindo as palavras da 1º postagem da mais recente história desse blog: se você está aqui pra ver a vida dos outros, não fique constrangido.... fique curioso para ler nosso romance! Até mais!

domingo, 11 de março de 2007

"Quebrando o Gelo"

Após alguns dias sem postar absolutamente nada e selecionando as fotos
para a galeria, começo com uma poesia minha:



Fotografia,
Acalanto de sorrisos
Um retrato de alegria,
Imagem de uma lágrima caída
Como o orvalho de uma manhã,
A ira, um fogo inflamado
Descoberto por um olhar,
Um segundo imortalizado
A lembrança de um passado
O elo entre a emoção e a memória
Uma arte, uma inspiração

Fonte das fotos: treak earth

quinta-feira, 8 de março de 2007

O primeiro fotógrafo brasileiro

O próprio imperador torna-se o primeiro fotógrafo brasileiro, ao comprar em 1840 seu daguerreótipo. Mais tarde, ele se torna um colecionador, um verdadeiro mecenas da fotografia e começa a dar títulos para os principais fotógrafos do Brasil. No mesmo ano (1840), um camarada americano chega ao País e tira as primeiras fotos do imperador e de sua família, além do palácio de São Cristóvão.

quarta-feira, 7 de março de 2007

E a fotografia chega no Brasil!

Imagem obtida do site: www.mnemocine.com.br/fotografia

Como havia dito antes, o daguerreótipo foi lançado em 1839 e disse também que havia ganhado grande repercussão no mundo. No Brasil, nesse ano, o Jornal do Commercio (com dois "m"s mesmo) anuncia o invento. Mas foi somente no ano seguinte, em 16 de janeiro, que o aparelho chega no País, pelo capelão de um navio francês. Entra então, pela primeira vez na América do Sul, a daguerreopatia. Esse camarada (o capelão) levou então o equipamento até o imperador de nosso Brasil, que era o D. Pedro II. Fez três demonstrações, com sucesso. Veja abaixo a primeira foto tirada no Brasil.

As fotos a seguir, foram obtidas através do site: www.sergiosakall.com.br/montagem/fotografia-brasil


O primeiro fotógrafo brasileiro, foi de fato, o próprio imperador. No mesmo ano compra por 250 mil réis seu daguerreótipo, encomendado de Paris. Ele tinha 14 anos na época. Mas também, não foi o único fotógrafo. Logo começaram a surgir fotógrafos amadores.

Rio de Janeiro, século XIX- Autor deconhecido



segunda-feira, 5 de março de 2007

Uma coisa chamada Daguerreótipo (Parte II)


Esse ao lado é o tal do daguerreótipo, criado pelo camarada da postagem anterior. Foi criado em 1837 e em 1839 anuncia o invento para a Academia de Ciências de Paris. A notícia da criação de um aparelho capaz de produzir imagens nítidas, detalhistas, além de levar menos tempo que a realização de uma pintura correu o mundo de uma forma bem rápida. O problema era que uns certos caras, que se achavam "os tais", resolvaram copiar rapidinho o invento. Havia muitos interesses comerciais por trás dessa invenção.
De fato, ao olharmos para a história, podemos perceber que não foi só o Daguerre que inventou definitivamente o aparelho de tirar fotos. O que seria dele sem os conceitos da câmara escura, sem Nièpce, sem todas as experiências realizadas desde a época de Aristóteles?
(todas as fotos das postagens anteriores, contando com essa, foram obtidas do seguinte site: www.mnemocine.com.br/fotografia)

Uma coisa chamada Daguerreótipo




Daguerre, depois de fazer diversos experimentos e não ter chegado a lugar nenhum, consegue criar um aparelho, por puro acaso, que conseguisse fixar imagens nítidas em placas de cobre com sais de prata: nasce o "daguerreótipo" Veja abaixo a primeira imagem razoável desse aparelho. (À nossa esquerda: Louis Daguerre).





domingo, 4 de março de 2007

Um tal de Louis Daguerre

Entra nessa historinha um outro cara: Louis Daguerre. Ele conhece Nièpce após este ter publicado suas heliografias, que eram outras reproduções. Daguerre ficou feliz e se entusiasmou: as duas mentes juntas poderiam pensar melhor e criar técnicas melhores para as imagens. Então Louis se torna sócio de Nièpce no ano de 1829, depois de muito tempo tentando convencê-lo disso. Porém, duas mentes brilhantes mas uma na contra-mão da outra não deu certo. Daguerre queria obter imagens melhores, mais nítidas. Mas Nièpce queria descubrir algum meio de tirar cópia de imagens. Os dois não chegaram em lugar nenhum, quer dizer, Nièpce chegou ao caixão: depois de quatro anos sócios, este último morre. Daguerre continua as experiências do ex-sócio e consegue aperfeiçoa-las. Confira o resto a história nos próximos "capítulos"...

Um tal de Nièpce.




Esse camarada era um cientista amador, juntamente com seu irmão, Claude. Os dois, em 1815, já haviam inventado um motor a explosão. Após diversas experiências e depois de torrar muitos neurônios, Nièpce conseguiu uma imagem que viria a ser a primeira fotografia. Dê uma olhadinha para foto... que bela, não? Foi a primeira da história. Parece que Nièpce tirou da janela de seu quarto.

A história

A imagem já havia sido explorada desde a época de Aristóteles, por volta do ano de 350 a.c, pelos alquimistas e químicos. Mas foi somente no século XIX que a fotografia se desenvolveu bem. Foi no ano de 1826 que a primeira foto foi tirada, por um cara chamado Joseph Nicéphore Niépce, na França.

sábado, 3 de março de 2007

Este blog está voltado para a fotografia no século XIX. Na verdade, é um trabalho escolar que consiste em desenvolver qualquer assunto de interesse relacionado ao século XIX, que no nosso caso é a fotografia. Se você esperava ler a vida dos outros não fique constrangido... fique curioso.
Afinal, como surgiu a máquina fotográfica, a fotografia em si? A primeira coisa que vem na cabeça era aquela caixa enorme e pesada, onde um camarada se enfiava por baixo de um pano preto e finalmente tirava a foto. Então saía uma fumaceira terrível, junto com faísca e um flash de deixar um cego mais cego do que é. E na foto, em preto e branco, geralmente uma família enorme e todos sérios, sem um mero sorriso.